Máscara e vacina:
Decisões individuais, efeito coletivo.

27 de junho de 2022

Notícias em 27/06/2022

Imagem em destaque

O desfiladeiro Siq
Este profundo desfiladeiro natural, desde os tempos dos nabateus (antigo povo semítico, ancestral dos árabes), liga a área urbana de Wadi Musa com Petra, no sudoeste da Jordânia. O sítio arqueológico Petra, com monumentos esculpidos na rocha no deserto Wadi Rum, está localizado no lado leste da depressão tectônica de Wadi Araba, associada ao Mar Morto. Esta depressão é formada por cisalhamento ao longo de falha transformante que separa as placas tectônicas Arábica e do Sinai. A sucessão estratigráfica local inicia com cerca de 50 m de espessura de arenitos da Formação Salib Arkose, que são cobertos por mais de 500 m de quartzarenitos mal estratificados, de idade cambriana-ordoviciana, das formações Umm Ishrin e Disi. Nestes quartzarenitos foram esculpidos os monumentos rochosos de Petra. As encostas íngremes do desfiladeiro Siq, com altura máxima que ultrapassa 200 m, são formadas pelos arenitos da Formação Umm Ishrin. Do topo para base, nesta formação, ocorrem os arenitos denominados Superior, Médio e Inferior. O primeiro, no topo e que tem as encostas mais íngremes, é um arenito grosseiro a médio, duro e maciço, branco e vermelho e com intemperismo em favos de mel. O arenito Médio possui granulometria média a fina, é multicolorido, bem acamadado, friável e apresenta estratificações cruzadas. O arenito Inferior é maciço, médio a grosseiro e branco. Com aproximadamente 1,2 km de extensão em percurso sinuoso em geral E-W, e largura mínima de 3 m, o desfiladeiro Siq é o prolongamento natural do Rio Wadi, antes de seu curso d'água ter sido desviado e canalizado pelos nabateus. No entanto, há uma história alternativa para a formação deste desfiladeiro. Ela conta que Moisés, quando encontrou montanhas inacessíveis em seu caminho, bateu nas rochas com seu cajado e elas se abriram formando o Siq. Como o cajado do patriarca era torto, o caminho foi aberto na forma de um desfiladeiro sinuoso.
(Crédito da imagem: David Bjorgen - fonte1 - fonte2)

Assuntos do dia
petróleo, mercado, energia alternativa, meio ambiente, geologia, terremotos, vulcanismo, ciência espacial, eventos e outros.

    Petróleo
PPSA registra arrecadação recorde para a União


    Mercado
Mercado do ferro


    Energia alternativa
Fernando de Noronha utilizará usina solar e sistema de armazenamento de energia para recarregar carros elétricos


    Meio Ambiente
Equipe do Núcleo de Criciúma do SGB-CPRM compõe missão brasileira nos EUA
    Entre os dias 14 e 17 de junho os pesquisadores verificaram in loco das áreas degradadas pela mineração de carvão e da viabilidade ambiental dos projetos de recuperação desenvolvidos.
    LEIA MAIS em www.cprm.gov.br

Ministros europeus chegam a acordos para promover energia renovável
    (Por Kate Abnett / Reuters) Eles concordaram sobre leis para economizar energia e promover fontes renováveis, como parte de um pacote proposto por Bruxelas para combater as mudanças climáticas por meio de uma redução drástica da emissão de gases do efeito estufa nesta década.
    LEIA MAIS em economia.uol.com.br


    Geologia
Antropoceno – a era geológica do impacto humano
    (Por Andrew Curry) Estudos encaminham a definição do início desta era, incluindo desde a precipitação atômica até os resíduos dos pesticidas.
    LEIA MAIS em www.natgeo.pt


    Vulcanismo
Vulcão Popocatepetl

Vulcão San Cristóbal

Outros vulcões em destaque
    Registram atividade vulcânica significativa: Sakurajima e Suwanose-Jima no Japão, Semeru e Dukono na Indonésia, Katmai no Alasca, Nevado del Ruiz na Colômbia, Sangay e Reventador no Equador e Sabancaya no Peru.
    LEIA MAIS em www.volcanodiscovery.com


    Terremotos
Sismos mundiais com 5 graus ou mais nas últimas 24 horas

Sismos mundiais entre 4,5 e 4,9 graus nas últimas 24 horas
    Dia 26, na região de Nova Britânia, Papua Nova Guiné (4,5 graus), no norte da Argélia (4,5) e em Kyushu, Japão (4,5).
    Dia 27, em Vanuatu (4,9 graus), na região das Ilhas Sanduíche do Sul (4,9), em Antofagasta, Chile (4,5), no sul de Xinjiang, China (4,6), e em Salta, Argentina (4,7).
    LEIA MAIS em www.emsc-csem.org


    Ciência espacial
Cientistas chineses descobrem minerais de alta pressão em amostras lunares
    (Por CRI) Foram descobertos fragmentos de seifertita e stishovita nas amostras de regolito lunar recolhidas pela missão chinesa de exploração lunar Chang'e-5.
    LEIA MAIS em portuguese.cri.cn


    Eventos
Terceiro episódio da série de vídeos "Realidades Minerais"

Seminário online "Aprimoramento dos Instrumentos Regulatórios relativos aos procedimentos de apuração da Participação Especial"
    Este seminário sobre aprimoramento das normas de apuração de participação especial será realizado pela ANP amanhã (28/6), a partir das 14h30.
    LEIA MAIS em www.gov.br


    Extra
A mineração e a comunidade
    (Por Flávia Marinho) Petrobras investe R$ 12,5 milhões para desenvolver novos atletas e lançar talentos do esporte no Brasil que estejam em busca de sua primeira medalha no Jogos Olímpicos e Paralímpicos.
    LEIA MAIS em clickpetroleoegas.com.br

A guerra na Ucrânia

Protestos no Equador podem interromper produção de petróleo no país em 48 horas
    (Por Estadão Conteúdo) O governo diz que estão fechados neste momento 1.176 poços, sendo 996 da estatal Petroecuador e outros 180 de empresas privadas.
    LEIA MAIS em epocanegocios.globo.com


Notícias em 26/06/2022

Nenhum comentário:

Traduzir

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *