Máscara e vacina:
Decisões individuais, efeito coletivo.

23 de maio de 2022

Notícias em 23/05/2022

Imagem em destaque

Inselbergs do Nordeste do Brasil
Vários destes campos de inselbergs podem ser encontrados ao norte do Maciço da Borborema, localizados em Patos, na PB, na região do Seridó, no RN, e em Quixadá, no CE. Este último, visto na imagem acima, é o mais representativo dentre os encontrados no Brasil. O termo inselberg foi cunhado pelo geólogo, engenheiro e explorador alemão Friedrich Wilhelm Conrad Eduard Bornhardt (1864-1946). Inselbergs ("ilhas de morros") são elevações topográficas que se destacam em uma superfície de aplainamento como um relevo residual não aplainado. Os inselbergs nordestinos se situam principalmente em áreas de intrusões graníticas que afetaram a Província Borborema a partir de várias orogenias do Pré-Cambriano. Estas intrusões, esculpidas pela erosão diferencial, caracterizam as depressões sertanejas. São diversas massas rochosas, isoladas ou agrupadas, formadas a partir da exposição subaérea de batólito granítico. São encontrados padrões morfológicos que dependem das fácies do granito e da densidade do fraturamento. Fácies porfiríticas ricas em fenocristais de feldspato produzem inselbergs com feições de dissolução do tipo caneluras e vasques, enquanto as fácies com presença de diques e enclaves máficos originam feições de fraturamento do tipo taffonis de colapso. Mesmo dentro da mesma unidade litológica, as variações faciológicas internas podem resultar em feições distintas de acordo com mineralogia, texturas e fraturamento. O mais comum são escarpas íngremes, que dificultam a alteração superficial, resultando afloramentos contínuos. Estes campos de inselbergs são comuns em climas áridos e semiáridos, porém com origem em sistemas erosivos típicos de ambiente tropical e subtropical. Neste ambiente, o intemperismo profundo origina espessos regolitos que são removidos posteriormente em clima mais seco. Uma lenda local, de origem indígena, apresenta uma alternativa para a formação destas rochas. Diz que uma delas, conhecida pelo nome de "Galinha Choca" (pode ser vista aqui) é a "pedra mãe" de todas as outras da região. Ela nem sempre esteve onde está, teria percorrido os campos de inselbergs povoando-os com pedras, o que convenhamos seria um processo doloroso, mas bem menos complexo que a história geológica.
(Crédito da imagem: Agência Eco Nordeste - fonte1 - fonte2 - fonte3 - fonte4)

Assuntos do dia
projeto, mineração, petróleo, mercado, energia alternativa, terremotos, vulcanismo, arqueologia, tecnologia, ciência espacial, asteroides, eventos e vagas.

    Projeto
Urânio e terras raras: Novo projeto no litoral sul da BA


    Mineração
Mineração alavanca economia baiana
    Novos postos de trabalho têm sido criados e o desenvolvimento da atividade faz girar a economia em setores como comércio e serviços, nas cidades onde as empresas estão instaladas.
    LEIA MAIS em www.cbpm.ba.gov.br


    Petróleo
Governo federal repassa R$ 77,9 milhões para o estado do TO

Bolívia corta 30% do abastecimento de gás natural para a Petrobras

Com novos desenvolvimentos de campos offshore, o Brasil deve atrair cerca de 10% dos recursos destinados a novos projetos em óleo e gás em todo o mundo até 2025
    O país receberá um total de US$ 36,7 bilhões em investimentos nesse período, que serão aplicados no desenvolvimento de ativos offshore.
    LEIA MAIS em petronoticias.com.br


    Mercado
Mercado do petróleo

Mercado do ferro

Mercado do cobre


    Energia alternativa
Novas telhas solares a base de grafeno da Telite possuem vida útil de 80 anos

BP Bunge aposta no etanol para reduzir emissões de gases de efeito estufa


    Vulcanismo
Vulcão Etna

Monte Trópico

Vulcão Popocatepetl
    (Por Jaime Zambrano) Esta vulcão mexicano continua com exalações e lança vapor d'água, gás e pouca cinza a cerca de meio km de altura.
    LEIA MAIS em www.milenio.com

Outros vulcões em destaque
    Registram atividade vulcânica significativa: Suwanose-Jima no Japão, Semeru e Dukono na Indonésia, Fuego na Guatemala, Nevado del Ruiz na Colômbia, Sangay e Reventador no Equador e Sabancaya no Peru.
    LEIA MAIS em www.volcanodiscovery.com


    Terremotos
Sismos mundiais com 5 graus ou mais nas últimas 24 horas
    Dia 22, na costa leste de Honshu, Japão (5,1 graus).
    Dia 23, em Hokkaido, região do Japão (5,5 graus), no sudeste do Irã (5,3), na região das Ilhas Sanduíche do Sul (5,5), em Tonga (5,1) e na região de Nova Britânia, Papua Nova Guiné (5,1).
    LEIA MAIS em www.emsc-csem.org

Sismos mundiais entre 4,5 e 4,9 graus nas últimas 24 horas
    Dia 22, na região de Nova Britânia, Papua Nova Guiné (4,8 graus), na costa leste de Honshu, Japão (4,9), em Sumatra do Sul, Indonésia (4,6), na Ilha Norte, Nova Zelândia (4,5), e em Shikoku, Japão (4,5).
    Dia 23, em Kepulauan Talaud, Indonésia (4,7 graus), na região das Ilhas Sanduíche do Sul (4,7), no sul das Ilhas Fiji (4,8), na região das Ilhas Revilla Gigedo (4,9), em Sumatra do Sul, Indonésia (4,9), na região de Fiji (4,5), em Hamahera, Indonésia (4,6), na Costa Rica (4,8) e no sudeste das Ilhas Loyalty (4,8).
    LEIA MAIS em www.emsc-csem.org


    Arqueologia
Cidade subterrânea de 2 mil anos achada na Turquia era refúgio de cristãos


    Ciência espacial
A gravidade massiva de Júpiter "chutou" o estranho Ceres para o cinturão de asteroides
    (Por Tereza Pultarova) Uma nova simulação de computador sugere que o planeta anão Ceres pode ter sido arremessado pela gravidade do gigante gasoso Júpiter em direção ao Sol durante a era volátil da formação do planeta há 4,5 bilhões de anos.
    LEIA MAIS em www.space.com


    Asteroides
Como a mineração de asteroides pode atender demanda da Terra por recursos
    (Por Spencer Kelly) Além de serem cada vez mais essenciais para criar telefones, laptops e carros, alguns metais como a platina também serão necessários para ajudar a produzir hidrogênio à medida que fazemos a transição para uma energia mais verde.
    LEIA MAIS em www.bbc.com


    Tecnologia
Cientistas da Austrália desenvolvem tecnologia que permite gerar energia solar durante a noite
    (Por Valdemar Medeiros) A energia é gerada a partir do calor irradiado com luz infravermelha, da mesma maneira que a Terra esfria ao irradiar para o espaço à noite.
    LEIA MAIS em clickpetroleoegas.com.br


    Eventos
Café Geológico

Evento "Dia Nacional do Calcário"
    É promovido pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) e pelo Sindicato das Indústrias de Extração de Mármores, Calcários e Pedreiras no Estado do Paraná (Sindemcap) no dia 25 de maio.
    LEIA MAIS em paranacooperativo.coop.br

Lançamento do estudo global Riscos e Oportunidades de Negócios em Mineração e Matais no Brasil 2002


    Vagas
Processo seletivo para contração de professor substituto no IFBA


Notícias em 22/05/2022

Nenhum comentário:

Traduzir

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *