#SePuderFiqueEmCasa, mas não deixe de comprar o que precisa. Movimente o Comércio. Informe-se. Até o boteco da esquina está entregando em casa.

29 de maio de 2020

Notícias em 29/05/2020

Assuntos do dia:
petróleo, mercado, gestão pública, política, energia renovável, paleontologia, terremotos, vulcanismo, arqueologia, ciência espacial, asteroides, eventos e outros.

Cachoeira de Paulo Afonso
A Cachoeira de Paulo Afonso está localizada no município de Delmiro Gouveia, AL, ao lado da Usina Hidroelétrica de Paulo Afonso IV, na margem esquerda do Rio São Francisco. Esta queda d'água, entre os estados de AL e BA, com cerca de 80 metros de altura, era conhecida antigamente como Forquilha. Ela é o limite entre o médio e o baixo curso do Rio São Francisco. Seu nome foi dado em homenagem ao português Paulo Viveiros Afonso, que em 1725 estabeleceu naquela região uma Sesmaria da Capitania de Pernambuco. À direita, na imagem, aparece a histórica Usina de Angiquinho, a primeira do Nordeste, inaugurada em 1913. Com a construção do complexo hidroelétrico, as águas do rio foram represadas e formam a queda d’água que só é possível observar nos períodos de cheia. Os paredões rochosos que formam a cachoeira são constituídos por rochas da Suíte Xingó, localmente gnaisses bandados cortados por inúmeros diques de textura pegmatítica (a composição é granítica) de coloração rósea, com concentrações de biotita (clots). No afloramento da base da cachoeira observa-se a presença de marmitas escavadas pela ação do turbilhonamento das águas do rio.
(Crédito da imagem: Rogerio Valença Ferreira / CPRM - fonte)

    Petróleo
Pandemia pode acelerar fim de muitas refinarias de petróleo

ANP divulga nova atualização do Painel de Certificação
    Foram acrescentadas visualizações dos valores nominais de bens e serviços adquiridos pelas operadoras para fins de cumprimento dos compromissos de conteúdo local.
    LEIA MAIS em www.anp.gov.br


    Mercado
Mercado do petróleo

Mercado do minério de ferro

Mercado do ouro

Mercado do lítio


    Gestão pública
Resolução da ANM leva em conta considerações feitas pelo MP de MG


    Política
MME fortalece a confiança na mineração para a economia nacional


    Energia renovável
EDF recebe autorização do Cade para aquisição de projetos de energia eólica na PB

Primeira fábrica de células de bateria de lítio-enxofre do mundo será em Juiz de Fora


    Paleontologia
Encontrado no Reino Unido pterodátilo típico do Brasil

Camada de ozônio: dano provocou extinção em massa há 360 milhões de anos
    Falhas na camada de ozônio da época podem ter causado, por exposição aos raios ultravioletas, mutações genéticas encontradas em fósseis de esporos de plantas.
    LEIA MAIS em revistagalileu.globo.com

O inseto mais antigo do mundo

A causa da extinção em massa de 215 milhões de anos atrás
    O desaparecimento de uma grande variedade de espécies não está ligado a nenhum evento catastrófico. Este tipo de desaparecimento é chamado de rotatividade adamaniana / revueltiana.
    LEIA MAIS em www.geologypage.com

A distinção do sexo de um dinossauro
    Pesquisa recente mostrou que, apesar das alegações anteriores de sucesso, é muito difícil detectar diferenças entre os sexos dos dinossauros.
    LEIA MAIS em noticiasdelaciencia.com


    Vulcanismo
Erupções vulcânicas reduzem chuvas globais
    Para prever com precisão as mudanças climáticas antropogênicas sob o aumento de gases de efeito estufa, é importante entender os efeitos de fatores naturais, como atividades solares e vulcânicas.
    LEIA MAIS em www.geologypage.com

Vulcão del Fuego

Vulcão Klyuchevskoy

Vulcão Popocatepetl

Outros vulcões em destaque
    Registram atividade vulcânica significativa: Shiveluch na Rússia, Aso no Japão, Semeru e Dukono na Indonésia, White Island na Nova Zelândia, Reventador no Equador e Sabancaya no Peru.
    LEIA MAIS em www.volcanodiscovery.com


    Terremotos
Estudo de terremotos que ocorrem pelo menos 300 km abaixo da superfície

Sismos mundiais com 5 graus ou mais nas últimas 24 horas
    Dia 28, em Nova Guiné, Papua Nova Guiné (5,0 graus).
    Dia 29, na região de Fiji (5,1 graus), a leste de Honshu, Japão (5,2), e em Vanuatu (5,3).
    LEIA MAIS em www.emsc-csem.org

Sismos mundiais entre 4,5 e 4,9 graus nas últimas 24 horas
    Dia 28, no leste da região de Nova Guiné, Papua Nova Guiné (4,6 graus), na costa de Oaxaca, México (4,5), em Taiwan (4,6), na dorsal Carlsberg (4,6), em Hokkaido, região do Japão (4,5), e a norte da dorsal Meso-Atlântico (4,7).
    Dia 29, nas Ilhas Adaman, região da Índia (4,5 graus), em Bangladesh (4,5), nas Ilhas Kuril (4,9), na Guatemala (4,8) e em Jujuy, Argentina (4,8).
    LEIA MAIS em www.emsc-csem.org


    Arqueologia
Ascensão e queda dos maias na Guatemala reveladas através de ossos de animais
    Mais de 35.000 fragmentos de ossos e conchas de um assentamento maia em Ceibal contam a história do uso de animais nos altos e baixos desta grande civilização.
    LEIA MAIS em noticiasdelaciencia.com


    Ciência espacial
Captura de poeira interestelar


    Asteroides
Asteroides Ryugu e Bennu podem ter o mesmo "pai"
    (Por Daniele Cavalcante) Publicação da Nature Communications propõe origem comum para ambos, tendo eles se rompido do mesmo asteroide original.
    LEIA MAIS em canaltech.com.br


    Eventos
Mesa Redonda Virtual no Dia do Geólogo
    Promovido pela SBG-RJ/ES, em parceria com ABGE-RJ, ABMGeo-RJ, APG-RJ e FEBRAGEO, este evento acontece amanhã (30/05), às 19h00.
    LEIA MAIS em sbgf.org.br

Webinar "Políticas Públicas de Geolocalização: o Geodireito - Como monitorar a sociedade?"
    Este webinar gratuito, organizado pela Seção de São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil acontece no dia 04 de junho, às 11h00.
    LEIA MAIS em www.labgis.uerj.br


    Extra
A mineração e a pandemia

Estudo de viabilidade econômica e os custos na mineração
    (Por Wagner Araújo) A determinação destes custos é preponderante para a avaliação no estudo de viabilidade econômica de um projeto de mineração.
    LEIA MAIS em institutominere.com.br

A mineração está mudando
    Pandemia à parte, há pressão dos acionistas para tornar as minas mais produtivas e eficientes, pressão pública para torná-las mais seguras e limpas e pressão pelos desafios da mudança climática.
    LEIA MAIS em www.miningmagazine.com


Notícias em 28/05/2020

Nenhum comentário:

Traduzir

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *